289 700 100
 
geral@cm-olhao.pt
 
No próximo domingo, dia 10 de outubro, comemora-se o Dia Mundial da Saúde Mental. Em Olhão, a data assinala-se com o lançamento da plataforma digital para o trabalho em rede www.tecer-olhao.pt. Esta é uma iniciativa do projeto SER Mental, serviço especializado em rede para a promoção da saúde mental na infância e adolescência, promovido pela Associação Movimento Juvenil em Olhão (MOJU), que conta com a colaboração do Município como investidor social.

2021-096-tecer-olhao

Tecer Olhão, a plataforma digital para o trabalho colaborativo em rede no concelho de Olhão é uma ferramenta inovadora, destinada a profissionais e entidades da Rede Social, que visa facilitar o trabalho em parceria e a articulação entre instituições, contribuindo para potenciar os recursos da comunidade e para aumentar a eficácia e a eficiência das respostas existentes e dos processos de intervenção em todo o concelho.

A aproximação entre as entidades da comunidade e os seus profissionais constitui uma importante estratégia de promoção da saúde mental, que aumenta a capacidade de prevenir precocemente os fatores de risco e promover os fatores de proteção na infância e na adolescência.

A criação desta plataforma vem responder a um conjunto de dificuldades e necessidades identificadas pelos diversos parceiros sociais em 2019 e posteriormente atualizadas em 2021, em virtude da crise pandémica de covid-19.

Os objetivos gerais desta nova ferramenta passam por contribuir para a melhoria da cooperação entre instituições e comunicação interprofissional, promovendo a coordenação das intervenções sociais ao nível do concelho de Olhão e de cada uma das freguesias, apoiar o processo de digitalização da intervenção social desenvolvida junto das famílias, reforçando o modelo de intervenção integrada no concelho de Olhão e promover a inovação no trabalho em rede e desenvolver novas soluções e respostas para problemas sociais emergentes.

O desenvolvimento desta ferramenta digital está inserida no Projeto SER Mental, uma iniciativa de inovação e empreendedorismo social co-financiada pelo Portugal Inovação Social, CRESC Algarve, Portugal 2020 e Fundo Social Europeu, que conta com cinco investidores sociais locais: o Município de Olhão, a União de Freguesias de Moncarapacho e Fuseta e as freguesias de Olhão, Quelfes e Pechão.